sábado, 16 de junho de 2018

Copa 2018 ... Brasil é Hexaaaaaaaaaaaa

P refletir ...



"Que os afetos não nos faltem, que os motivos pra sorrir se multipliquem e que a gente saiba filtrar somente o que nos faz bem pra nos acompanhar no percurso da vida!"
(Ana Paula Naponiello)

Etiqueta

"O saber não ocupa espaço"
(Dito popular)

As pirâmides e os planetas


Este fenômeno acontece apenas a cada 2.737 anos.
As pirâmides do Egito se encontram exatamente da mesma forma em que três dos planetas do nosso sistema solar estarão alinhados.
Ao se observar as pirâmides por cima, casualmente veremos como ficam alinhadas exatamente da mesma forma em que estarão Saturno, Vênus e Mercúrio.
Isto aconteceu em 3/12/12.
Lindo e instigante não é mesmo?

(Fonte - Fatos Desconhecidos#FS Felipe Sandrin
Administração Fatos Desconhecidos/Facebook)

domingo, 10 de junho de 2018

Arraial


No arraial da feirinha da Economia Solidária, aproveitando as festas juninas, a dança da quadrilha e saboreando um pirarucu de casaca. Maravilha!!!

Redação ...

“Na cidade de Joinville houve um concurso de redação na rede municipal de ensino.
O título recomendado pela professora foi: 'Dai pão a quem tem fome'.
Incrível, mas o primeiro lugar foi conquistado por uma menina de apenas 14 anos de idade. E ela se inspirou exatamente na letra de nosso Hino Nacional para redigir um texto, que demonstra que os brasileiros verde amarelos precisam perceber o verdadeiro sentido de patriotismo.

Leiam, e se emocionem assim como eu, o que escreveu essa jovem. É uma demonstração pura de amor à Pátria e uma lição a tantos brasileiros que já não sabem mais o que é este sentimento cívico.

Eis o que a garota escreveu:

“Certa noite, ao entrar em minha sala de aula, vi num mapa-mundi, o nosso Brasil chorar: O que houve, meu Brasil brasileiro? Perguntei-lhe! E ele, espreguiçando-se em seu berço esplêndido, esparramado e verdejante sobre a América do Sul, respondeu chorando, com suas lágrimas amazônicas:
- Estou sofrendo. Vejam o que estão fazendo comigo... Antes, os meus bosques tinham mais flores e meu seio mais amores. Meu povo era heróico e os seus brados, retumbantes. O sol da liberdade era mais fúlgido e brilhava no céu a todo instante. Onde anda a liberdade, onde estão os braços fortes? Eu era a Pátria amada, idolatrada. Havia paz no futuro e glórias no passado. Nenhum filho meu fugia à luta. Eu era a terra adorada e dos filhos deste solo era a mãe gentil. Eu era gigante pela própria natureza, que hoje devastam e queimam, sem nenhum homem de coragem que às margens plácidas de algum riachinho, tenha a coragem de gritar mais alto para libertar-me desses novos tiranos que ousam roubar o verde louro de minha flâmula. Eu, não suportando as chorosas queixas do Brasil, fui para o jardim. Era noite e pude ver a imagem do Cruzeiro que resplandece no lábaro que o nosso país ostenta estrelado. Pensei... Conseguiremos salvar esse país sem braços fortes? Pensei mais.... Quem nos devolverá a grandeza que a Pátria nos traz? Voltei à sala, mas encontrei o mapa silencioso e mudo, como uma criança dormindo em seu berço esplêndido.” 👏👏👏👏👏👏👏
Vale a pena ler e compartilhar.

terça-feira, 29 de maio de 2018

Greve dos caminhoneiros ...



(Fonte Ilustrações - Facebook)